de forma agressiva - Mundo - iG" /

EUA pedem que Paquistão combata terrorismo de forma agressiva

Islamabad, 3 dez (EFE).- O chefe do Estado-Maior americano, almirante Mike Mullen, pediu hoje ao Paquistão que investigue de maneira agressiva qualquer possível nexo de grupos terroristas em solo paquistanês com os atentados na cidade indiana de Mumbai.

EFE |

Segundo um comunicado divulgado pela embaixada dos EUA em Islamabad, Mullen, que chegou hoje em visita surpresa ao Paquistão, reuniu-se com as autoridades políticas e militares do país, às quais agradeceu seu "desejo de auxiliar a Índia em uma investigação conjunta sobre os ataques terroristas de Mumbai".

O chefe militar americano também "encorajou os líderes paquistaneses a tomarem ações mais fortes -e mais coordenadas- contra os insurgentes extremistas em qualquer lugar do país".

Mullen reuniu-se com o presidente paquistanês, Asif Alí Zardari, com o chefe das Forças Armadas, Ashfaq Pervez Kiyani, e com o diretor-geral dos serviços secretos (ISI), Ahmed Shuja Pasha.

"Todos estiveram de acordo de que a tragédia de Mumbai representa uma perigosa escalada na sofisticação dos ataques extremistas e uma maior ameaça para toda a região", acrescenta o comunicado.

Após sua visita ao Paquistão, Mullen viajará amanhã à Índia , país que cruzou acusações e reivindicações com sua potência nuclear vizinha após os ataques de Mumbai, que deixaram 188 mortos. EFE igb/jp

    Leia tudo sobre: mumbai

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG