EUA oferecerão US$ 1 bilhão para reconstrução da Geórgia

Washington, 3 set (EFE).- O Governo dos Estados Unidos destinará US$ 1 bilhão à reconstrução dos danos causados na Geórgia pelo conflito armado com a Rússia por causa da região separatista da Ossétia do Sul, informou hoje a imprensa local.

EFE |

O plano de ajuda para a Geórgia vazou para a imprensa antes que o presidente americano, George W. Bush, e sua secretária de Estado, Condoleezza Rice, anunciassem hoje oficialmente.

De acordo com as fontes citadas pela imprensa local, o pacote de ajuda multimilionária será distribuído em um período de vários anos, mas ainda não há mais detalhes sobre o plano.

A ajuda deve ser destinada à reconstrução das infra-estruturas que foram destruídas no conflito e para atenuar os efeitos da crise na economia georgiana. Por enquanto, não está claro se o plano inclui também ajuda militar.

O anúncio da ajuda ocorre depois que uma delegação americana, liderada pelo subsecretário de Estado para Economia, Energia e Assuntos Agrícolas, Reuben Jeffrey, viajou no final de agosto a Tbilisi para avaliar as necessidades de reconstrução na Geórgia.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) anunciou hoje um princípio de acordo com o Governo georgiano sobre um empréstimo de US$ 750 milhões.

Esta quantia, que será concedida em 18 meses, será destinada a fomentar as políticas econômicas da Geórgia e minimizar, assim, as conseqüências econômicas e financeiras do conflito.

O crédito ainda precisa ser aprovado pelo Conselho Executivo do FMI, o que deve acontecer em meados de setembro. EFE cae/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG