EUA matam líder da Al Qaeda e 6 combatentes no Iêmen

Ibrahim Mohammed al Bana seria responsavel pela informação da organização terrorista

EFE |

Um importante líder da organização terrorista Al Qaeda morreu na noite de sexta-feira junto a outros seis supostos combatentes em um ataque aéreo americano no sul do Iêmen, informou à Agência Efe uma fonte dos serviços de segurança.

O responsável de informação de Al Qaeda na Península Arábica, identificado como Ibrahim Mohammed al Bana e de nacionalidade egípcia, figura entre os supostos terroristas mortos no bombardeio, que aconteceu na província sulina de Shabua, disse a fonte.

O ataque foi realizado mediante um avião não tripulado contra os supostos combatentes na região de Azan.

Por sua vez, o Ministério da Defesa iemenita confirmou em comunicado a morte de Bana em uma "operação bem-sucedida", sem dar mais detalhes sobre a mesma.

"Bana era um dos mais perigosos membros de Al Qaeda procurado em nível internacional, já que era o responsável de informação da denominada organização Al Qaeda na Península Arábica", lembrou a nota.

Al Qaeda conta com campos de treinamento no Iêmen, segundo as autoridades iemenitas e americanas, e se acredita que centenas de partidários desse grupo estão escondidos nas montanhas do sul do país, especialmente em Shabua.

* Com EFE

    Leia tudo sobre: IÊMEN TERRORISMO

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG