grande preocupação - Mundo - iG" /

EUA: lavagem de dinheiro do tráfico na Bolívia causa grande preocupação

A Bolívia, que era considerada um país causador de preocupação para os Estados Unidos devido à grande quantidade de dinheiro lavado pelo narcotráfico dentro de suas fronteiras, foi reclassificada como de grande preocupação, ao lado do Zimbábie e de Guiné-Bissau, segundo um relatório anual sobre a luta antidrogas divulgado nesta sexta-feira.

AFP |

Os três países passaram, em 2008, de jurisdição de "preocupação" a "grande preocupação", aponta o documento, publicado pelo departamento de Estado.

A Bolívia, que cortou praticamente toda a cooperação no combate às drogas com os Estados Unidos, "passa por mudanças significativas por causa de suas políticas de permitir a expansão do cultivo de coca, limitar os esforços de erradicação e atenuar o controle sobre o mercado lícito de coca", adverte o relatório.

"Estamos preocupados com a crescente influência dos cartéis colombianos e mexicanos, e com a possibilidade de um aumento no número de crimes relacionados ao narcotráfico na Bolívia", acrescenta.

"Incentivamos o governo da Bolívia a expandir a erradicação nas Yungas, a redobrar seus esforços no Chaparé, a eliminar novos plantios de coca e a incrementar seus esforços para proibir drogas ilegais e precursores (químicos) em toda a Bolívia", indica o texto.

"Este esforço deve incluir o retorno da DEA (agência antidrogas americana) à Bolívia", sugirió el informe.

Em novembro do ano passado, a DEA encerrou oficialmente suas operações na Bolívia, após 35 anos de atuação direta, quando o presidente Evo Morales acusou seus agentes de intervir em assuntos internos do país.

Morales também acusou o embaixador americano de envolvimento com supostos complôs para organizar um golpe de estado da oposição, expulsando o diplomata em setembro.

As acusações do presidente boliviano são "falsas" e "totalmente infundadas", segundo o relatório do departamento de Estado.

jz/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG