EUA: justiça anuncia data para execução de franco-atirador de Washington

Um juiz da Virginia (leste dos Estados Unidos) fixou o dia 10 de novembro como data da execução de John Muhammad, condenado à morte por aterrorizar a região de Washington em 2002, assassinando dez pessoas escolhidas ao acaso, anunciaram nesta quinta-feira seus advogados.

AFP |

"A data da execução de John Muhammad foi definida para o dia 10 de novembro de 2009", indicou em um comunicado o grupo de advogados Devine, Connell, Sheldon & Flood, encarregado de sua defesa.

Os advogados informaram que o condenado "tem a intenção de pedir a clemência do governador do Estado e de apresentar um recurso na Suprema Corte dos Estados Unidos em outubro".

Muhammad foi condenado à morte em março de 2004 por uma série de assassinatos entre os dias 2 e 22 de outubro de 2002, que deixaram em pânico a população local por seu caráter imprevisível e gratuito.

Uma pessoa foi morta em Washington, seis no Estado vizinho de Maryland e três na Virginia.

O franco-atirador era acompanhado por John Lee Malvo, de 17 anos, que escapou da pena capital por ser menor de idade. No entanto, a justiça o condenou à prisão perpétua.

chl/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG