EUA já têm 5.123 casos da gripe; mortos seguem em 6

Washington, 18 mai (EFE).- O número de infectados pela gripe suína nos Estados Unidos aumentou para 5.

EFE |

123 durante o fim de semana, segundo informou o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, em inglês), e há ainda seis mortos.

O número total de infectados chegou a 409 pessoas desde a sexta-feira passada, quando, segundo o CDC, havia 4.714 doentes.

A gripe se estendeu a 47 estados dos EUA, além do Distrito de Columbia. Apenas Alasca, Virgínia Ocidental e Wyoming não reportaram casos da doença.

A última vítima foi o subdiretor de uma escola de Nova York que se encontrava em estado grave e que morreu no domingo.

Mitchell Wiener, de 55 anos e que estava conectado a um respirador artificial, morreu dez dias após mostrar sintomas da doença.

Além de Wiener, morreram três pessoas no Texas, uma no Arizona e outra no estado de Washington.

Devido à gripe foi ordenado o fechamento temporário de 11 escolas em Nova York.

O CDC advertiu que é possível apresentar mais casos e recomendou que se tomem as medidas higiênicas básicas para evitar a expansão do contágio.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) indicou que até o momento há 8.829 infectados em 40 países pelo vírus, que causou a morte de 74 pessoas.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE elv/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG