EUA intensificam entregas de armas à Somália

Os Estados Unidos vão multiplicar por dois as entregas de armas leves e de munições ao governo de transição da Somália, para ajudá-lo a lutar contra os insurgentes islâmicos radicais, anunciou nesta quinta-feira uma fonte do departamento de Estado.

AFP |

A ideia é aumentar as entregas de armas de 40 para 80 toneladas, segundo este responsável, que não quis ser identificado.

Ele ainda destacou que as forças somalis serão treinadas em Djibuti, onde se encontra uma importante base militar americana.

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, se encontrou nesta quinta-feira em Nairóbi com o presidente islâmico da Somália, Sharif Cheikh Ahmed. Os dois trocaram, inclusive, um aperto de mãos, um gesto muito simbólico em um país onde os muçulmanos praticantes se recusam categoricamente a tocar uma mulher.

Em Nairóbi, Hillary Clinton pediu oficialmente à Eritreia que pare de apoiar as milícias islâmicas que querem derrubar o presidente somali, eleito no fim de janeiro.

jm/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG