EUA inspecionarão treino de pilotos para evitar acidentes

Washington, 9 jun (EFE).- A Administração Federal da Aviação Civil americana (FAA, na sigla em inglês) anunciou hoje que inspecionará os programas de treinamento de pilotos nas companhias aéreas regionais.

EFE |

O objetivo é evitar acidentes e garantir que os exercícios e simulações respeitam as normas federais.

A nova medida, anunciada hoje pelo secretário de Transportes, Ray LaHood, e pelo diretor da FAA, Randy Babbitt, é uma resposta às preocupações geradas por acidentes como o que envolveu um avião da Colgan Airlines.

Em 12 de fevereiro, uma aeronave que viajava de Newark para Búfalo caiu sobre uma casa desta localidade, matando 50 pessoas.

"Minha meta é assegurar que toda a indústria, das grandes linhas comerciais às pequenas operadoras regionais, esteja cumprindo as normas de segurança", declarou Babbitt sobre a iniciativa.

LaHood, por sua vez, disse que, antes de a supervisão ter início, convocará uma cúpula em Washington com representantes das maiores companhias aéreas, parceiros regionais destas, grupos que representam a indústria da aviação e sindicatos. EFE llb/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG