Bagdá, 18 jul (EFE).- O Exército americano informou hoje a morte de um de seus soldados e a apreensão de um grande arsenal durante uma operação no bairro de Rashid, no sul de Bagdá.

Em um primeiro comunicado, o comando militar dos EUA anunciou a morte de um soldado americano ocorrida no dia 17 de julho, por "causas não relacionadas ao combate", sem informar outros detalhes.

Em uma segunda nota, o Exército americano assinalou que no dia 15 de julho suas tropas apreenderam um enorme arsenal de fabricação iraniana, composto por 45 foguetes, 337 bombas, 27 rifles de assalto, 13 lançadores de projéteis e cerca de 10.000 balas, entre outros.

Durante essa operação, pelo menos um suposto insurgente, encarregado do transporte do arsenal e membro de um "grupo especial", foi detido.

O Exército americano chama de "grupos especiais" as milícias xiitas ligadas à Guarda Revolucionária do Irã. EFE ah/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.