O presidente da comissão judicial do Senado americano, o democrata Patrick Leahy, propôs nesta segunda-feira a formação de uma comissão da verdade para investigar os supostos abusos cometidos durante os oito anos da presidência de George W. Bush.

Mais tarde, em sua primeira entrevista coletiva como presidente, Barack Obama se mostrou cauteloso a respeito da sugestão de Leahy.

Obama disse não conhecer detalhes da proposta, "mas minha orientação geral é dizer: façamos o que for correto enquanto avançamos".

No entanto, ponderou, "meu ponto de vista é de que ninguém está acima da lei. Se há indícios claros de ações ilegais, essas pessoas devem ser processadas como qualquer outro cidadão".

O senador democrata destacou que a comissão poderia analisar principalmente a questão de técnicas de interrogatório semelhantes a tortura e das escutas telefônicas extra-judiciais realizadas durante o governo Bush.

ok/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.