EUA fecham passagem na fronteira com México após tiroteio

Los Angeles - As autoridades dos EUA fecharam a fronteira com o México em San Diego depois que vários agentes dispararam contra três caminhonetes que levavam dezenas de pessoas e tentaram entrar ilegalmente no país, informou o jornal The Union Tribune de San Diego em sua página da internet.

EFE |

O tiroteio terminou com quatro feridos, três deles passageiros dos veículos e que se encontram em estado grave, além de outra pessoa alheia ao fato que foi atingida por uma bala perdida.

Todos os afetados foram transferidos a hospitais próximos.

O fato aconteceu por volta das 15h30 local (19h30 de Brasília) e teve como consequência imediata o fechamento da passagem mais movimentada da fronteira entre os países, que une Tijuana com San Diego e pelo que passam diariamente mais de 40 mil veículos.

O incidente começou, segundo a versão policial, quando as três caminhonetes tentaram saltar os controles e aceleraram para entrar nos EUA Após o tiroteio, os agentes puseram sob custódia 70 pessoas que viajavam no interior dos veículos.

A polícia, que abriu uma investigação para esclarecer os fatos, suspeita que se tratava de uma rede que se dedicava a introduzir ilegalmente imigrantes em território americano.

Leia sobre: Estados Unidos

    Leia tudo sobre: estados unidoseuaméxico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG