EUA exigem explicações a China por ataque contra Google

O governo dos Estados Unidos exigiu explicações a China pelo ataque que gigante Google afirmou ter sofrido a partir do gigante asiático.

AFP |

"A Google nos informou sobre estas acusações, que provocaram inquietações muito graves", declarou a secretária americana de Estado, Hillary Clinton.

"Esperamos uma explicação do governo chinês", completou em um comunicado.

A gigante americana da internet ameaçou na terça-feira cancelar as operações na China, depois de denunciar ataques virtuais em massa contra a empresa e outras 20 companhias a partir deste país.

"Poder trabalhar com confiança no ciberespaço é fundamental em uma sociedade e uma economia modernas", declarou Hillary.

Um dos efeitos da ameaça da Google de abandonar a China foi a alta das ações da principal ferramenta de buscas chinesa, o Baidu, nesta quarta-feira.

Nas transações virtuais da madrugada da Nasdaq de Nova York, a ação do Baidu era negociada a 413,52 dólares, uma alta de 6,99% em relação ao fechamento de terça-feira (386,49 dólares).

jqf-dd-frb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG