A Casa Branca não se mostrou nesta terça-feira muito disposta a renegociar um acordo com o governo de Bagdá sobre a presença militar norte-americana no Iraque.

"Não recebemos alteração alguma dos iraquianos. Consideramos que esse é um bom acordo, e por isso a barreira será alta" para a introdução de modificações, disse o porta-voz Gordon Johndroe.

O gabinete iraquiano havia autorizado nesta terça-feira o primeiro-ministro Nuri al-Maliki a negociar mudanças no acordo.

O porta-voz do gabinete Al al-Dabbagh indicou que foram aprovadas "mudanças necessárias e essenciais" para serem incorporadas e autorizou o primeiro-ministro a apresentá-las aos Estados Unidos.

"Agora Maliki deverá apresentar esse novo texto à parte norte-americana", ressaltou o porta-voz.

bur/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.