EUA e Japão discutirão negociações da Coréia do Norte

A BORDO DO AIR FORCE ONE (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, e o primeiro-ministro do Japão, Yasuo Fukuda, discutirão a partir de segunda-feira com outros líderes mundiais os próximos passos das negociações sobre o status nuclear da Coréia do Norte. Eles se reunirão durante a cúpula do G8 no Japão, disse um membro da Casa Branca no sábado. Durante o encontro, líderes dos Estados Unidos, Japão, Rússia, China, Coréia do Norte e Coréia do Sul --os membros das negociações-- terão de decidir como realizar a verificação da declaração entregue pela Coréia do Norte sobre sua intenção de desmantelar seu programa de armas nucleares, disse a autoridade.

Reuters |

Dennis Wilder, diretor sênior do escritório de Assuntos Asiáticos do Conselho Nacional de Segurança dos EUA, disse que Bush e Fukuda discutirão meios de verificar se todas as ogivas foram removidas da usina nuclear de Yongbyon, que, segundo se acredita, produz plutônio para a fabricação de armamento nuclear.

Eles também discutirão como realizar o desmantelamento da usina, depois do procedimento de encerramento de operações, e o armazenamento dos materiais nucleares já produzidos, disse Wilder.

'Estamos em um momento crítico do processo de negociação, e o presidente e o primeiro-ministro do Japão vão querer comparar suas notas e garantir que estamos trabalhando com os mesmo objetivos', disse Wilder, de acordo com o relato em grupo dos jornalistas a bordo do Air Force One.

Christopher Hill, líder norte-americano das negociações, começará as consultas sobre essas questões com os países envolvidos em Pequim, em 11 ou 12 de julho, disse Wilder.

Os líderes do G8 (grupo das nações mais industrializadas do mundo mais a Rússia) se encontrarão entre 7 e 9 de julho na ilha japonesa de Hokkaido.

(Reportagem de Tabassum Zakaria)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG