Estados Unidos e França concordaram em pressionar ambas as partes, israelenses e palestinos, para que sejam reabertas as passagens para a chegada de ajuda humanitária à Faixa de Gaza, disse o chanceler francês, Bernard Kouchner nesta quinta-feira, depois de ter se reunido com a secretária de Estado, Hillary Clinton.

"Estamos de acordo com a secretária de Estado em pressionar ambas as partes para a abertura das passagens" em direção a Gaza, disse Kouchner em uma entrevista coletiva à imprensa em Washington ao lado de Hillary.

lc/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.