EUA e Canadá anunciam ajuda de US$ 10,5 bi à Chrysler

Washington, 30 abr (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, anunciaram hoje que seus Governos vão fornecer uma ajuda de US$ 10,5 bilhões à Chrysler.

EFE |

A montadora, que se viu forçada hoje a declarar concordata, receberá US$ 8,08 bilhões dos EUA, e outros US$ 2,42 bilhões dos canadenses.

No momento em que a Chrysler chegar à uma situação estável, o Governo americano controlará 8% do conjunto de acionistas, enquanto o Canadá terá 2%.

O acordo também determina que as autoridades americanas nomearão quatro pessoas do conselho da diretoria da Chrysler, enquanto o Governo canadense terá direito a designar uma pessoa.

"Apreciamos a relação estreita entre os Governos de EUA e Canadá durante este período de reestruturação no setor automotivo", disse Obama.

Por sua vez, Harper ressaltou a importância dos "esforços conjuntos", que poderão beneficiar o setor. EFE jcr/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG