EUA doam US$ 16 milhões ao México para enfrentar emergência da gripe suína

México, 3 mai (EFE).- O Governo dos Estados Unidos doou ao México US$ 16 milhões em ajudas, desde que começou no dia 23 de abril a emergência causada pela gripe suína, que já deixou um saldo no país de 19 mortos e 487 pessoas contagiadas.

EFE |

"O Governo dos Estados Unidos entregou US$ 1 milhão adicional em equipamento ao Governo do México, com o objetivo de apoiar os esforços contínuos para conter a propagação do vírus influenza H1N1", informou hoje em comunicado a delegação diplomática dos EUA no país, que permanece sem embaixador.

O comunicado diz que a ajuda sanitária consiste na entrega de 100 mil kits de equipamento de proteção pessoal doados pela Agência Americana para o Desenvolvimento Internacional (Usaid, em inglês) que chegaram ontem ao México.

Além disso, inclui trajes de proteção, máscaras e lentes que permitem ao pessoal de saúde atender outras pessoas sem se arriscar a contrair a doença.

Segundo a embaixada, entre a ajuda está uma doação de US$ 5 milhões enviada através da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Organização Pan-americana da Saúde (OPS).

Também citou um donativo de 400 mil doses do antiviral Tamiflu no valor de US$ 10 milhões.

A embaixada americana informou que as medidas de cooperação com o México se desenvolvem de maneira direta e através de diversos organismos desse país e internacionais. EFE jrm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG