EUA doam à China três cepas do vírus da gripe para serem analisadas

Pequim, 9 mai (EFE).- Os Estados Unidos doaram três cepas de vírus de gripe suína à China para que seus especialistas realizem análises médicas em uma tentativa de identificar a origem da doença, informou a agência oficial de notícias Xinhua.

EFE |

"O objetivo é que os especialistas chineses analisem as cepas para encontrar a origem da gripe e sua capacidade patógena", explicou a "Xinhua".

"As cepas, uma delas obtidas de um paciente mexicano e as outras duas de outros tantos doentes americanos, estão a caminho da China", anunciou Qiang Zhengfu, chefe do a seção internacional de cooperação do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês).

"A Região Administrativa Especial de Hong Kong nos doará 'em breve' outra cepa do vírus", também disse.

No entanto, "o mais importante é determinar a exatidão e velocidade do reativo de prova para confirmar os casos suspeitos de gripe suína, e melhorar a supervisão da doença em estado de desenvolvimento", acrescentou a "Xinhua".

Por outro lado, o Organismo de Controle de Drogas chinês informou que apesar de as cepas doadas por EUA e Hong Kong ajudarem muito no estudo do vírus, elas não poderão ser usadas para o desenvolvimento de vacinas humanas contra a gripe suína.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE mmp/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG