EUA dizem que Coreia do Norte vai pagar por teste nuclear

WASHINGTON (Reuters) - A Coreia do Norte vai pagar por seu último teste nuclear se não adotar uma postura diferente, mas a porta segue aberta para negociações que encerrem os programas nucleares de Pyongyang, disse o Departamento de Estado norte-americano nesta terça-feira. A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, trabalha para assegurar que a comunidade internacional transmita uma mensagem forte à Coreia do Norte de que a Coreia do Norte vai pagar o preço pelo caminho que segue se não reverter esse rumo, disse a repórteres o porta-voz do Departamento de Estado Ian Kelly.

Reuters |

A Coreia do Norte realizou na segunda-feira seu segundo teste nuclear em dois anos e meio, despertando condenação internacional.

Kelly disse também que os Estados Unidos estão dispostos a reiniciar as conversas entre as duas Coreias, China, Japão, Rússia e Washington sob as quais Pyongyang concordou em 2005 a abandonar todos os seus programas nucleares.

"A porta continua aberta", afirmou Kelly sobre a possibilidade de retomar as negociações com a Coreia do Norte.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG