EUA dizem desconfiar de resultados de eleições no Zimbábue

PRETÓRIA (Reuters) - Os Estados Unidos questionam a confiabilidade de qualquer resultado das eleições do Zimbábue que possa ser apresentado, já que ele ainda não foi divulgado depois de três semanas da votação, disse na quinta-feira a maior diplomata dos Estados Unidos na África. Agora, nós duvidamos da credibilidade de qualquer resultado que for publicado, disse a Secretária Assistente de Estado, Jendayi Frazer, em um informe à imprensa em Petrória.

Reuters |

Frazer, que faz uma viagem pela região, disse que o presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, está rejeitando a vontade de seu povo e acrescentou que os Estados Unidos apóiam os pedidos de embargo de armas no país africano.

Ela também disse que o Conselho de Segurança da ONU deveria discutir a situação do Zimbábue depois das eleições.

Os resultados das eleições de 29 de março ainda não foram anunciados e uma votação parlamentar vencida pela oposição também está sob suspeita devido a recontagens parciais.

(Reportagem de Paul Simão)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG