EUA divulgam cartilha para prevenir contágio da gripe suína

Os Estados Unidos divulgaram nesta sexta-feira uma cartilha para tentar frear a disseminação da gripe suína nas escolas, com medidas que incluem atenção à higiene e a vacinação.

AFP |

A resposta dependerá do alcance do surto, mas "para um surto semelhante em severidade ao da infecção por H1N1 da primavera (no hemisfério Norte), a cartilha recomenda uma boa higiene básica, como lavar as mãos", indica um comunicado do departamento de Segurança Interna.

"Além disso, estudantes e pessoas com doenças semelhantes à gripe (ou que apresentem sintomas de gripe) devem ficar em casa por pelo menos 24 horas depois que acabar a febre", acrescenta.

"Continuaremos fazendo todo o possível para manter nossas crianças e todos os americanos saudáveis neste outono", disse a secretária do Serviço de Saúde Kathleen Sebelius.

"No entanto, todos os americanos também devem fazer sua parte. A melhor maneira de prevenir a expansão da gripe é a vacinação. Uma vacina contra a gripe sazonal está pronta e devemos ter uma para a gripe H1N1 em meados de outubro", afirmou.

O guia também recomenda que as escolas façam planos para lidar com possíveis infecções.

"Por exemplo, as pessoas com sintomas gripais devem ser instaladas em um quarto separado do resto até que possam voltar para a casa. As escolas deveriam ter planos para dar seguimento à educação dos estudantes que estão em casa, através de telefonemas, pacotes de deveres de casa, lições através da internet e outras medidas", orienta.

bur-mdl/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG