Miami, 18 set (EFE).- Os Estados Unidos deportaram 423 imigrantes com antecedentes criminais e procedentes de 36 países, após serem capturados em uma operação desenvolvida paralelamente na Flórida, Porto Rico e nas Ilhas Virgens americanas, informaram hoje as autoridades migratórias.

O Serviço de Imigração e Alfândegas (ICE, na sigla em inglês) de Miami explicou que os imigrantes deportados em agosto passado eram procurados por assalto, roubo, drogas, agressão sexual, delitos com armas e atividades fraudulentas.

"Essas deportações continuarão enquanto façamos cumprir as leis de imigração de nosso país", disse Michael Rozos, diretor do escritório de detenção e deportação do ICE. EFE so/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.