EUA defendem mais cooperação com China contra mudança climática

Pequim, 28 mai (EFE).- A presidente da Câmara de Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, pediu hoje mais cooperação entre Pequim e Washington para lutar contra a mudança climática agora que o mundo se prepara para assumir novos compromissos após 2012, ano no qual expira a primeira fase do Protocolo de Kioto.

EFE |

Em discurso pronunciado na universidade de Tsinghua, em Pequim, Pelosi destacou que China e Estados Unidos precisam trabalhar estreitamente para enfrentar a era pós-Kioto, cujas obrigações deveriam ser decididas na conferência que será realizada em dezembro em Copenhague.

Os dois países, que atualmente são os maiores emissores de gases que intensificam o efeito estufa, "devem se entender juntos e aprender mutuamente" para que seja alcançado um novo protocolo, destacou Pelosi no discurso.

A presidente da Câmara Baixa americana ressaltou que a mudança climática se tornou uma questão de "segurança nacional", além de econômica, sanitária e moral.

A mudança climática é o principal tema de Pelosi na visita que faz esta semana a Pequim, onde na quarta-feira ela se reuniu com os principais líderes chineses.

No entanto, a política americana, conhecida pelas críticas à situação dos direitos humanos, também manifestou ao presidente e ao primeiro-ministro, Wen Jiabao, entre outros, a preocupação dos EUA com as violações das liberdades fundamentais no país asiático.

Pelosi inclusive uniu este tema ao principal de sua agenda nesta visita, afirmando que preservar o meio ambiente é "um direito humano básico". EFE abc/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG