EUA decidem não ir à cúpula da Unasul sobre acordo com Colômbia

Washington, 24 ago (EFE).- O Governo americano não participará da cúpula da União de Nações Sul-americanas (Unasul), que acontece na sexta-feira em San Carlos de Bariloche, Argentina, onde será debatido o acordo de cooperação militar entre Estados Unidos e Colômbia.

EFE |

Um porta-voz do Departamento de Estado informou à Agência Efe que os EUA não são "membro da Unasul" e "não têm planos de enviar nenhum representante" do Governo à reunião extraordinária de líderes da América do Sul, convocada para debater a polêmica gerada na região pelo acordo militar entre o país e Colômbia.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva propôs na sexta-feira em uma conversa telefônica com o governante americano, Barack Obama, uma reunião com os outros líderes da Unasul.

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse então que Obama respondeu que "avaliará a possibilidade de que essa reunião se concretize".

Amorim disse que Lula sugeriu ao presidente americano que escolha a data e o lugar da reunião, e ressaltou que o Brasil respeita a soberania colombiana. EFE cae/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG