cosméticas - Mundo - iG" /

EUA consideram que as últimas reformas em Cuba são cosméticas

Washington, 18 abr (EFE).- O Governo dos Estados Unidos afirmou hoje que as recentes reformas autorizadas pelo presidente cubano, Raúl Castro, são cosméticas, e considera que o punho de ferro ainda está muito visível na ilha.

EFE |

"Não são uma verdadeira mudança, não são uma mudança fundamental", disse o diretor para os Assuntos do Hemisfério Ocidental do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca, Dan Fisk.

Esta é a primeira vez que a Casa Branca se refere às recentes reformas aprovadas por Fidel Castro, como suspender a proibição de venda de produtos de consumo, como computadores e telefones celulares, e a eliminação da restrição que impedia os cubanos de se hospedar nos hotéis da ilha. EFE mp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG