EUA confirmam que conselheiro para G.Pérsico será encarregado do Irã

Washington, 24 fev (EFE).- O Governo americano confirmou hoje que entre os países dos quais o recém-nomeado conselheiro especial para Golfo Pérsico e sudeste asiático, Dennis Ross, ficará encarregado está o Irã.

EFE |

Em comunicado na segunda-feira, o Departamento de Estado anunciou a nomeação de Ross, que assessorará a secretária de Estado, Hillary Clinton, e seus funcionários sobre a situação estratégica e as perspectivas da região.

Diante da insistência da imprensa em que o Departamento de Estado descrevesse os países que os Estados Unidos incluiriam na região, o porta-voz Robert Wood admitiu que o Irã está entre as nações sobre as quais Ross aconselhará.

"O Irã será um dos países que terá que em sua pasta de trabalho", disse Wood.

O porta-voz explicou que não fez referência ao país no anúncio da nomeação porque sua missão será mais ampla. "Não mencionamos o Irã especificamente porque suas obrigações vão abranger toda a região, não só Irã".

A região, disse, inclui países como Iraque, partes do Oriente Médio, Síria, Israel e Jordânia, mas ressaltou que "estará olhando para toda a região".

Além de assessorar Hillary, explicou, Ross ficará encarregado de integrar as políticas desenvolvidas nos diferentes escritórios do Departamento de Estado e sua implementação.

Entre suas incumbências estará se reunir com alguns dos líderes da região, mas, perguntado pelo caso do Irã, não deu uma resposta concreta. EFE elv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG