EUA concedem US$ 1,6 mi à Indonésia para proteger corais e mares

Manado (Indonésia), 12 mai (EFE).- Os Estados Unidos concederam à Indonésia, através de dois memorandos assinados hoje entre ambos os países dentro da Conferência Mundial dos Oceanos, US$ 1,6 milhão para proteger seus recifes de coral, e explorar e conservar os mares.

EFE |

O embaixador americano em Jacarta, Cameron Hume, disse, durante o ato, que os acordos "buscam reforçar o compromisso dos Estados Unidos de ajudar a Indonésia e seus vizinhos a enfrentar a mudança climática".

Um memorando aborda o aquecimento global e a prospecção marinha e o outro reforça a conservação do "triângulo do coral", uma região marinha ameaçada do Sudeste Asiático.

"Esperamos cooperar de forma mais estreita com países como a Indonésia em questões relacionadas à mudança climática", acrescentou Hume, e destacou a "liderança" mostrada pela Indonésia na organização da Conferência Mundial dos Oceanos.

Este congresso internacional realizado em Manado, no norte da Indonésia, conta com a presença de 1,8 mil delegados de 64 países para discutir o efeito da mudança climática nos oceanos.

Os Estados Unidos já destinaram outros US$ 40 milhões à proteção e recuperação do triângulo do coral, zona que compreende partes das Filipinas, Indonésia, Malásia, Papua Nova Guiné, Ilhas Salomão e Timor-Leste. EFE jpm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG