EUA: Biden prevê aumento do desemprego este ano

A economia americana perderá empregos mensalmente este ano, mas as sementes da recuperação estão presentes, disse o vice-presidente Joe Biden nesta terça-feira.

AFP |

"Não teremos informes durante este ano dizendo que não haverá desemprego no mês. Isso não vai acontecer", advertiu em entrevista concedida ao canal CNN.

Desde que começou oficialmente a recessão nos Estados Unidos, em dezembro de 2007, foram perdidos 5,1 milhões de empregos, 3,3 milhões deles nos últimos cinco meses apenas, segundo cifras do departamento de Trabalho.

Biden destacou que nas recuperações passadas, a criação de empregos seguiu o aumento do Produto Interno Bruto (PIB).

No entender do vice-presidente, a situação seria pior sem o programa de estímulo de 787 bilhões de dólares aprovado pelo Congresso por iniciativa do presidente Barack Obama.

jit/arb/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG