EUA aprovam reintegração de talibãs à sociedade afegã

O comandante das forças americanas no Afeganistão, o general Stanley McChrystal, se declarou nesta terça-feira favorável a uma reintegração dos insurgentes talibãs na sociedade afegã dentro de um processo de reconciliação, como proposto pelo presidente Hamid Karzaï.

AFP |

"Eu seria favorável a uma reintegração dos combatentes (talibãs) e dos comandantes de patentes menos elevadas dentro do processo político afegã no respeito da constituição afegã", disse o general, que dirige a força internacional da Otan no Afeganistão (Isaf) na rádio pública americana NPR .

"Para os mais altos responsáveis, cabe a Karzai decidir", acrescentou o general que falava de Cabul.

Hamid Karzaï, que dirige o país desde à queda dos talibãs e é dado como favorito para as eleições de 20 de agosto, convida há vários anos em vão os insurgentes, talibãs e outros grupos rebeldes, a depor suas armas e aceitar a constituição afegã adotada em 2001.

Sobre as eleições, o general americano está convencido de que a situação no território oferece a possibilidade aos afegãos de irem às urnas, e inclusive na província de Helmand (sul) onde os insurgentes são muito ativos.

Segundo ele, a grande maioria dos eleitores do Helmand terá oportunidade de votar.

Quetionado sobre um artigo do Wall Street Journal que sugeriu que os talibãs tomaram o controle no país, o general respondeu: "vamos ganhar, Os talibãs não vão ganhar. Mas nós vamos ter de enfrentar dias bons e dias ruins, meses bons e meses ruins".

Ele não excluiu a possibilidade de pedir tropas extras ao presidente americano, Barack Obama.

chl/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG