EUA apoia construção de 2.500 casas em assentamentos israelenses, diz jornal

Jerusalém, 8 jul (EFE).- Israel obteve apoio dos Estados Unidos para a construção de 2.

EFE |

500 casas nos assentamentos da Cisjordânia, apesar da política oficial de Washington neste espinhoso assunto do processo de paz, informa hoje o jornal "Maariv".

Este é o recado que o ministro da Defesa israelense, Ehud Barak, trouxe de sua reunião em Londres na segunda-feira com o enviado especial dos EUA para o Oriente Médio, George Mitchell, com quem discutiu o assunto dos assentamentos, segundo o jornal.

Oficialmente, os EUA se opõem a qualquer construção em território ocupado, embora Israel tente obter uma solução que lhe permita seguir com projetos em colônias dos três blocos mais próximos ao território israelense.

Fontes ocidentais citadas pelo "Maariv" declararam que "se trata de uma concessão americana para evitar danos a indivíduos" que já compraram as casas.

Israel calcula que 700 imóveis estão em fase de construção e que, pela legislação israelense, não podem ser interrompidos pelo Governo, já que são projetos privados.

A Autoridade Nacional Palestina (ANP) exige a interrupção das obras de construção nos assentamentos para retomar o processo de paz. EFE elb/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG