O governo dos Estados Unidos impôs novas sanções financeiras a várias companhias e indivíduos iranianos, suspeitos de envolvimento com o programa nuclear do país. Entre os atingidos pelas sanções está um importante cientista do Ministério da Defesa iraniano, Mohsen Fakhrizadeh-Mahabadi, e três companhias iranianas que estariam envolvidas com a indústria de armas daquele país.

O Tesouro americano afirmou que os bens destas companhias e de indivíduos nos Estados Unidos serão congelados e as companhias americanas ficam proibidas de fazer negócios com estas empresas.

As novas sanções foram anunciadas no momento em que os líderes do G8 - o grupo dos sete países mais industrializados do mundo mais a Rússia -, reunidos no Japão pedem a paralisação do programa de enriquecimento de urânio do Irã.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.