EUA anunciam nova estratégia contra tráfico na fronteira com México

Washington, 5 jun (EFE).- O Governo dos Estados Unidos anunciou hoje a nova estratégia do presidente do país, Barack Obama, para combater, com mais policiais e uma maior cooperação com o México, o tráfico de drogas e dinheiro que sustenta a violência na fronteira entre as duas nações.

EFE |

A chamada "Estratégia Nacional Antidrogas para a Fronteira Sudoeste" pede uma maior cooperação e troca de informação entre as autoridades locais, estaduais e federais, além da contínua e estreita colaboração com o Governo do México.

A estratégia foi anunciada conjuntamente pelos secretários de Justiça dos EUA, Eric Holder, e de Segurança Nacional, Janet Napolitano, além do novo "czar antidrogas" americano, o diretor do Escritório de Políticas Nacionais de Controle de Drogas, Gil Kerlikowske, em Albuquerque, no estado do Novo México.

Segundo um comunicado do Departamento de Justiça, o objetivo é fortalecer as capacidades de inteligência na fronteira sul; a apreensão de drogas, dinheiro e demais "instrumentos de violência" em todos os pontos de entrada por terra, mar e ar; e a investigação dos casos de tráfico de drogas, armas e dinheiro, assim como da lavagem de dinheiro.

A estratégia também pretende "desmantelar as organizações do tráfico de drogas", melhorar as tecnologias na luta antidrogas no sudoeste dos EUA e aprimorar a cooperação com o México.

"Juntos, continuaremos reduzindo o fluxo de drogas ilícitas em toda a fronteira sudoeste e garantindo que os que violam nossas leis serão processados", declarou Napolitano.

Kerlikowske, por sua vez, disse que o novo plano, somado aos esforços do Governo mexicano, "cria uma oportunidade única de conseguir um avanço real contra a ameaça das drogas" e reforçar a segurança das comunidades fronteiriças. EFE mp/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG