EUA anunciam criação de agência do clima

Os Estados Unidos vão criar uma nova agência que será dedicada ao aquecimento global e aos meios de ajudar a economia a tirar proveito das mudanças climáticas, anunciou nesta segunda-feira o governo de Barack Obama.

AFP |

A primeira providência tomada foi lançar o site Climate , que reúne os dados disponíveis no país sobre o aquecimento global, e pode ser acessado por empresas, pesquisadores e pelas pessoas de um modo geral.

O secretário do Comércio, Gary Locke, explicou que a nova agência federal ajudará, por exemplo, as empresas do setor eólico, fornecendo dados sobre as características dos ventos.

"A ideia é a seguinte: quanto mais as empresas tiverem informações sobre as energias alternativas, mais poderão fazer benefícios, criar empregos e responder às necessidades energéticas do país e do mundo", explicou ele à imprensa.

Locke comparou a nova agência ao Serviço de Meteorologia Nacional, o National Weather Service (NWS), uma agência federal que também fornece dados ao setor privado.

A nova agência deve começar a funcionar antes do início do ano fiscal 2011. Trata-se da iniciativa mais recente do governo de Obama no âmbito do combate ao aquecimento global, um tema sofre o qual enfrenta fortes resistências políticas.

A Câmara dos Representantes aprovou no ano passado medidas para impor, pela primeira vez, limites às emissões de CO2 do país, mas o texto está bloqueado no Senado, onde os aliados democratas de Obama acabam de perder uma cadeira para um senador republicano hostil ao projeto.

Leia mais sobre: Mudanças climáticas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG