EUA alertam para risco de viajar à Índia

Washington, 27 nov (EFE).- O Governo americano emitiu hoje um alerta de viagem devido aos ataques terroristas em Mumbai, na Índia, e advertiu os americanos a adiarem as viagens para essa cidade pelo menos entre 48 e 72 horas.

EFE |

O Departamento de Estado disse aos cidadãos americanos que "aumentou a preocupação" pela segurança na Índia, após os ataques terroristas cometidos em diversos locais de Mumbai, entre eles hotéis, uma estação de trem, um restaurante e um hospital.

Por isso, recomendou aos cidadãos que estejam viajando à Índia ou que já se encontram ali que mantenham um "alto nível" de vigilância, que tomem as medidas apropriadas para reforçar sua segurança e que, na medida do possível, tentem adiar suas viagens para Mumbai.

Os atentados, cometidos por comandos armados com rifles e granadas, mataram pelo menos 125 pessoas e feriram 327, entre elas pelo menos três americanos e dois canadenses.

Os terroristas, que se identificaram como membros de um desconhecido grupo denominado Deccan Mujahedin, tomaram ainda uma série de reféns em dois dos hotéis atacados.

O Departamento de Estado assinalou que entre as vítimas houve cidadãos indianos e estrangeiros, mas "os americanos parecem ter sido um dos alvos específicos".

Por isso, sugeriu aos americanos que sejam prudentes, tomem medidas de segurança, evitem as multidões e manifestações, mudem os horários e as rotas de seus roteiros, e tenham seus documentos atualizados.

A embaixada e os consulados "estão trabalhando ativamente no terreno" e se iniciaram um serviço de assistência telefônica de emergência para que os parentes possam para receber informação, e precisou que o alerta de viagem terminará em 31 de dezembro. EFE elv/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG