EUA afirmam não ter certeza da prisão do chefe da Al-Qaeda no Iraque

As Forças Armadas norte-americanas indicaram neste domingo que não têm certeza de que o iraquiano detido no final de abril em Bagdá seja o chefe da Al-Qaeda no Iraque, como anunciaram as autoridades do país.

AFP |

"Não dispomos, por enquanto, de nada que possa contradizer as informações que os iraquianos têm", declarou o porta-voz das Forças Armadas norte-americanas no Iraque, general David Perkins. Mas "não temos certeza sobre o papel que teve este homem", acrescentou.

"Parte do que estamos fazendo é tentar determinar quem é ele. Não se trata do que ele disse (para se identificar), e sim do que fazia e planejava", explicou o general, indicando que os serviços de inteligência norte-americanos trabalham "muito estreitamente" com as forças iraquianas.

As autoridades iraquianas anunciaram no dia 23 de abril a captura de Abu Omar al-Baghdadi, apresentado como o "chefe diabólico" da Al-Qaeda no Iraque e o responsabilizaram por dezenas de atentados suicidas no país.

kat/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG