A gordura marrom encontrada nos recém-nascidos, que tem um papel ativo para queimar calorias e regular o metabolismo, persiste nos adultos e oferece um modo de perder peso e combater a diabetes, revela uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira nos Estados Unidos.

A medicina acreditava que a gordura marrom, ou líquida, existia apenas nas crianças e que, praticamente, desaparecia nos adultos, mas esta "boa gordura" segue presente nos adultos, e com papel ativo, destacam os autores de um estudo publicado na revista do New England Journal of Medicine.

"O fato de haver gordura marrom nos adultos indica que temos um novo caminho para tratar a obesidade e a diabetes em adultos", diz Ronald Kahn, da faculdade de medicina da Universidade de Harvard (Massachusetts), principal autor do estudo.

Os pesquisadores, que analisaram 1.972 pessoas, esperam que os progressos tecnológicos de imagem permitam medir melhor a quantidade de gordura marrom e sua atividade, para se ter uma maior compreensão de seu papel e seu potencial no tratamento contra a obesidade e outros problemas de metabolismo.

js/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.