Estátua de Obama causa polêmica e é transferida de lugar na Indonésia

Jacarta, 15 fev (EFE).- Uma estátua de Barack Obama foi transferida de um parque de Jacarta, capital da Indonésia, para o pátio do colégio onde o presidente americano estudou em sua infância após protestos de setores nacionalistas, informou hoje a agência oficial indonésia Antara.

EFE |

Trabalhadores da Prefeitura e alunos da escola primária Besuki Menteng realizaram a transferência da estátua na noite deste domingo, e vão precisar de mais dois ou três dias para instalar o objeto de forma adequada em sua nova localização.

O monumento, de dois metros de altura, foi o primeiro do mundo em homenagem ao presidente. A estátua representa Obama aos 10 anos, com uma borboleta na mão, usando bermudas e chinelos esportivos.

Desde sua inauguração, a estátua gerou uma forte controvérsia na Indonésia, onde 58 mil pessoas expressaram rejeição em uma campanha na rede social Facebook.

Os nacionalistas indonésios afirmam que apesar de Obama ter passado parte de sua infância em Jacarta e ter feito história ao se tornar presidente dos Estados Unidos, "não é ninguém" na história do país.

No lugar onde estava a estrutura, as autoridades municipais devem instalar uma peça de arte que represente a identidade nacional.

Obama viveu na capital indonésia quatro anos, estudou em um colégio católico e em um público, e deixou Jacarta quando completou 10 anos para viver no Havaí com seus avôs maternos. EFE jpm/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG