Estados Unidos otimista sobre negociações para acordo comercial

Washington, 1 set (EFE).- O representante de Comércio Exterior dos Estados Unidos, Ron Kirk, manifestou hoje sua esperança que a reunião de ministros em Nova Délhi abra o caminho para a concretização do acordo de livre-comércio de Doha.

EFE |

Em reunião com jornalistas antes de viajar à reunião, o representante comercial Ron Kirk indicou que o encontro pode ser um grande passo rumo ao "objetivo de completar com sucesso a rodada de negociações de Doha".

À reunião de dois dias que começa na quinta-feira assistirá o diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC) e ministros de países desenvolvidos e nações emergentes.

"Compartilhamos um objetivo comum e a crença que a rodada de Doha pode ser um elemento-chave que ajude ao mundo a recuperar-se da atual crise econômica", acrescentou.

Os resultados do encontro informal dos ministros de comércio em Nova Délhi poderia ter grandes implicações na reunião que sustentarão os líderes do G20 na cidade de Pittsburgh (Pensilvânia) o 24 e o 25 deste mês.

O G20 agrupa a países industrializados e nações emergentes.

A rodada de Doha de negociações se iniciou em 2001 para promover o comércio mundial com o objetivo de ajudar aos países em desenvolvimento.

No entanto, essas negociações encontraram obstáculos principalmente por divergências em torno dos subsídios agrícolas de alguns países e a aplicação de tarifas alfandegárias à importação de certos produtos.

Mas Kirk manifestou que agora existe um novo ambiente que é mais propício para um resultado positivo das negociações.

"Acho que o que a diferença agora é a mudança de Governos...nos Estados Unidos, na Índia, na África do Sul e em outros países. Agora há um novo conjunto de países com novas autoridades que têm o desejo que isto ocorra", disse Kirk. EFE ojl/fk

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG