Estado de saúde do Papa depois da operação é bom, diz Vaticano

O estado de saúde do Papa Bento XVI, que foi operado nesta sexta-feira por causa de uma fratura no pulso direito, é bom, informou o Vaticano.

AFP |

"O Santo Padre, que caiu acidentalmente em sua residência, fraturou o pulso direito. Sua Santidade foi submetido a uma intervenção com anestesia local", afirmou, por sua vez, o médico pessoal do Papa, Patrizio Polisca, no comunicado publicado pelo Vaticano.

"As condições gerais do Santo Padre são boas", conclui o comunicado.

A Santa Sé informou que a fratura leve no pulso direito aconteceu por causa de uma queda do Papa durante a noite, em seu quarto. Pela manhã, o Sumo Pontífice foi levado ao serviço de emergência do hospital de Aosta.

"Salvo uma contraindicação, o Papa poderá deixar o hospital nas últimas horas da tarde ou início da noite", declarou à AFP o porta-voz do hospital, Tiziano Trevisan.

A Santa Sé fez questão de esclarecer que a fratura do punho se deu por uma queda e não por um desmaio, como aventado pela imprensa.

O Vaticano disse ainda que Bento XVI oficializou normalmente a missa e depois tomou seu café da manhã antes ir ao hospital.

fmi/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG