Esposa de Madoff quer comprar pequeno apartamento no Harlem, em N.York

Nova York, 9 jul (EFE).- A esposa de Bernard Madoff, autor confesso da maior fraude financeira da história, está pensando em comprar um apartamento de um quarto, na Rua 90, em Manhattan, próximo ao bairro nova-iorquino do Harlem, informou hoje o jornal The New York Post, em sua edição digital.

EFE |

O agente imobiliário de Ruth Madoff considerou entre suas opções a compra do apartamento de número 120, da Rua 90, ao norte de Manhattan, de um quarto e de menos de 45 metros quadrados, oito vezes menor que o que morava antes com seu marido.

A cobertura de quatro quartos onde o casal viveu antes da descoberta da fraude multimilionária - que o próprio Madoff cifrou em aproximadamente US$ 50 bilhões - era avaliado em mais de US$ 7 milhões e situado no luxuoso bairro de Upper East Side.

No dia 2 de julho, a cobertura foi embargada por agentes federais e, há duas semanas, a esposa do financista fechou um acordo com as autoridades de que renunciaria a qualquer tentativa de reivindicar seus bens, que ela cifrava US$ 80 milhões, se garantissem a ela US$ 2,5 milhões, em dinheiro.

O apartamento que agora poderia se transformar na futura casa de Ruth é avaliado em menos de meio milhão de dólares e necessita reformas, já que o apartamento de madeira está em más condições, faltam pedaços de gesso no teto e as paredes estão riscadas, detalha o jornal nova-iorquino.

O "New York Post" acompanha Ruth exaustivamente desde a descoberta da escandalosa fraude realizada por seu marido e revelou que a mulher é obrigada a usar o metrô e que seu cotado cabeleireiro, Pierre Michel, a proibiu de ir a seu salão. EFE mgl/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG