Moscou, 11 abr (EFE).- Os especialistas russos descartaram neste domingo que o acidente aéreo ocorrido ontem, no qual morreram o presidente polonês, Lech Kaczynski, e outros altos dirigentes de seu país, tenha sido provocado por uma pane técnica no avião presidencial.

Um primeiro estudo dos diálogos entre a tripulação do avião acidentado e a torre de controle "confirma que não houve problemas técnicos na aeronave", segundo informou o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin. EFE se/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.