Especialistas confirmam oficialmente que Fujimori teve câncer

Lima, 11 jun (EFE).- O Instituto de Medicina Legal (IML) confirmou hoje que foi retirado um câncer do ex-presidente peruano Alberto Fujimori em uma operação à qual se submeteu há seis dias, ao retomar o julgamento contra o ex-líder (1990-2000) por violações aos direitos humanos.

EFE |

Trata-se da primeira confirmação oficial do câncer, que já tinha sido anunciado na semana passada pela filha e pelo médico pessoal do ex-governante, Keiko Fujimori e Alejandro Aguinaga.

A leitura do relatório, que afirma que Fujimori só precisará de acompanhamento médico, aconteceu no início do julgamento, que foi suspenso na quarta-feira, para que o acusado se submetesse a uma intervenção cirúrgica devido a uma leucoplasia na língua.EFE wat/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG