Espanha proíbe fumo em estabelecimentos públicos fechados do país

Não será mais permitido fumar em locais como bares, restaurantes, boates, cassinos e bingos

EFE |

MADRI - Entrará em vigor neste domingo na Espanha a Lei Antitabaco, que proíbe o fumo nos estabelecimentos públicos fechados e em alguns espaços abertos, como parques infantis e o entorno dos hospitais.

Pelo endurecimento da legislação vigente desde 2006, não será mais permitido fumar em locais como bares, restaurantes, boates, cassinos e bingos.

Nos hotéis, o fumo será permitido em espaços não cobertos e em 30% de seus quartos.

O consumo de produtos fumígenos também será proibido em todo o recinto dos hospitais, incluindo acessos e zonas de passagem, em áreas de lazer infantil e nos centros educativos, embora continue permitido em locais abertos dos campi universitários.

Como novidade, os consumidores terão à sua disposição tabaco nas máquinas automáticas das lojas de conveniência dos postos de gasolina.

Os veículos de imprensa também serão afetados pela medida, que lhes impedirá de emitir programas ou imagens nas quais os apresentadores ou colaboradores fumem ou façam publicidade de produtos fumígenos.

Continuará a ser legal o fumo em clubes privados de fumantes e nas regiões separadas de estabelecimentos penitenciários, centros psiquiátricos e afins.

Pela nova medida, as infrações leves serão penalizadas com multa de até 30 euros, as graves, de até 10 mil euros, e as muito graves, de até 600 mil euros.

    Leia tudo sobre: Espanhalei antifumo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG