Espanha procura impulsionar céu único europeu após caos aéreo

Madri, 23 abr (EFE).- A Espanha quer acelerar a adoção do céu único europeu, com a Agência Europeia para a Segurança da Navegação Aérea (Eurocontrol) como gerente da rede integrada, após o caos gerado pela nuvem de cinza de um vulcão islandês, que na última semana deixou em terra dezenas de milhares de passageiros.

EFE |

O ministro de Fomento espanhol, José Blanco, confirmou essa iniciativa ao anunciar a convocação, em nome da Presidência rotativa da União Europeia exercida pela Espanha no primeiro semestre de 2010, de uma reunião extraordinária do Conselho de Ministros de Transportes da União Europeia, na qual o tema será debatido.

A reunião, que será realizada em 4 de maio em Bruxelas, abordará a necessidade de agilizar os mecanismos de resposta diante do caos aéreo como a provocada pelo vulcão islandês, quando será estudado um plano de mobilidade para emergências, como indicou Blanco.

O ministro disse que a crise da nuvem vulcânica, que provocou o fechamento de grande parte do espaço aéreo europeu durante vários dias, demonstrou que os mecanismos atuais são deficitários e que é preciso revisar os protocolos de resposta. EFE eco/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG