Espanha está disposta a receber 5 presos de Guantánamo

A Espanha está disposta a receber cinco detentos da prisão americana de Guantánamo, mas desde que sejam cumpridas as condições legais e de segurança, anunciou nesta segunda-feira o chanceler espanhol, Miguel Ángel Moratinos.

EFE |

Em um evento em Madri, Moratinos esclareceu que, embora ele mesmo tenha dito em janeiro que a Espanha receberia dois prisioneiros - um palestino e um iemenita -, existe a ideia de ampliar o número para cinco.

O ministro afirmou que ainda não há definidos um número certo de presos e a nacionalidade dos mesmos.

"Vamos tentar que venham cinco, sempre e quando (...) haja garantias suficientes para poder acolhê-los", explicou.

Os Estados Unidos pediram em junho que a Espanha assumisse pelo menos quatro presos para ajudar a fechar a prisão de Guantánamo.

O presidente americano, Barack Obama, tinha estabelecido como meta que Guantánamo fosse fechada até 22 de janeiro, embora as dificuldades jurídicas e técnicas o tenham forçado a adiar o plano sem data fixa.

Leia mais sobre Espanha

    Leia tudo sobre: espanha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG