Madri, 2 jun (EFE).- Um Focker do Exército espanhol decolou hoje das Ilhas Canárias para Cabo Verde para se juntar às buscas internacionais pelo avião da Air France desaparecido no Atlântico.

Com esse, já são três os aviões enviados pela Espanha à região do acidente, segundo informaram à Agência Efe fontes da Aeronáutica.

O segundo Focker - o primeiro saiu ontem à noite - partiu hoje para a ilha de Cabo Verde, onde se estabeleceu o dispositivo aéreo internacional de busca e resgate do avião da Air France.

O coronel do Serviço de Busca e Salvamento do Exército espanhol do Ar, Manuel de Diego, disse à Efe que o primeiro Focker, enviado ontem, já participou hoje dos trabalhos de busca e fez oito horas de voos de reconhecimento.

O coronel ressaltou que "até o momento há muitas informações sobre a localização do avião da Air France, mas sem muita confiabilidade".

Sobre a possibilidade de encontrar pessoas com vida, afirmou que "até que não se demonstre o contrário é preciso manter as esperanças".

"Se trabalha com a hipótese de localizar a parte maior do avião e sobreviventes", acrescentou. EFE aam/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.