Espanha e Tailândia prendem 10 em ação contra terrorismo

Segundo autoridades, grupo roubava e falsificava passaportes para redes terroristas ligadas à Al-Qaeda

iG São Paulo |

Dez suspeitos de envolvimento com terrorismo foram presos nesta quarta-feira em uma operação policial realizada em Barcelona, na Espanha, e em Bangcoc, na Tailândia.

Os presos são acusados de participar de uma rede que falsificava documentos para organizações terroristas ligadas à Al-Qaeda.

Segundo as autoridades, o grupo roubava passaportes de turistas que visitavam Barcelona. Depois, enviavam os documentos para a Tailândia, onde eram falsificados para serem entregues a grupos terroristas.

Sete prisões foram feitas na Espanha (seis paquistaneses e um nigeriano) e três na Tailândia (dois paquistaneses e um tailandês), de acordo com o Ministério do Interior da Espanha

A polícia espanhola classificou a operação de um "significativo obstáculo para a logística da Al-Qaeda" e um "importante revés para seu aparelho de falsificação".

Em 29 de setembro, a imprensa americana noticiou que fontes de inteligência disseram ter descoberto um plano da Al-Qaeda para matar civis em lugares turísticos na França, Grã-Bretanha e Alemanha.

Os ataques aconteceriam como em Mumbai, na Índia, em 2008, com atiradores disparando a esmo em meio à multidão. Em novembro, o ministro do Interior alemão, Thomas de Maizière, ordenou um reforço nos procedimentos de segurança de aeroportos e estações de trem da Alemanha após o governo obter "indicações claras" de que atentados terroristas no país estavam sendo planejados para o fim do mês.

Com AFP

    Leia tudo sobre: espanhatailândiaterrorismoal-qaeda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG