Espanha e França tentam voltar à normalidade após tempestades

Espanha e França trabalham intensamente neste domingo para recuperar a normalidade depois das tempestades com fortes ventos que deixaram 15 mortos nos dois países, além de muitos danos materiais.

AFP |

Os bombeiros das regiões espanholas de Valencia e Catalunha também combatem incêndios florestais provocados pelos fortes ventos.

A Catalunha foi a região espanhola mais afetada pelo temporal: 40.000 casas ficaram sem energia elétrica, assim como 25.000 pessoas no País Basco.

A cidade de Sant Boi de Llobregat, perto de Barcelona, está de luto pela morte de quatro crianças no sábado no desabamento de um complexo esportivo por culpa do vento.

O norte da Espanha e o sul da França foram afetados na sexta-feira e sábado por chuvas torrenciais e ventos superiores a 180 km/h, que deixaram 11 mortos na Espanha e quatro na França.

O temporal, procedente do Oceano Atlântico, seguiu em direção oeste - leste arrancando telhados de casas, derrubando árvores e destruindo postes elétricos. Muitas ferrovias permanecem bloqueadas.

Na França, técnicos, inclusive de outros países como Alemanha, Grã-Bretanha e Portugal, tentam restaurar os serviços de energia elétrica e as ferrovias.

O temporal do fim de semana foi o pior a afetar o país desde de 1999, quando uma tempestade matou 92 pessoas e derrubou milhares de árvores.

rm/fp/nh/

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG