decisão soberana da Colômbia sobre bases militares - Mundo - iG" /

Espanha diz respeitar decisão soberana da Colômbia sobre bases militares

Bogotá, 7 ago (EFE).- A primeira vice-presidente do Governo espanhol, María Teresa Fernández de la Vega, expressou hoje o respeito da Espanha a uma decisão da Colômbia, no exercício de sua soberania, sobre o acordo com os Estados Unidos em relação ao uso de sete bases militares em território colombiano.

EFE |

Fernández de la Vega expressou tal posição em entrevista coletiva concedida na residência oficial colombiana depois de sua reunião com o presidente do país, Álvaro Uribe.

A vice-presidente negou que o Governo espanhol tenha modificado sua posição neste assunto após as primeiras declarações a respeito feitas pelo ministro de Assuntos Exteriores espanhol, Miguel Ángel Moratinos.

Durante sua recente visita ao Brasil em 30 de julho, Moratinos disse que esse acordo poderia representar uma militarização da região.

Fernández de la Vega disse que o próprio Moratinos relativizou essas declarações em um telefonema para seu colega colombiano, já que ao dar sua declaração inicial não tinha toda as informações sobre o assunto.

Perguntada sobre a possibilidade de a Espanha desempenhar algum papel de mediação por causas diferenças entre países como Venezuela ou Equador diante do possível acordo entre Colômbia e Estados Unidos, a vice-presidente se limitou a falar que a Espanha sempre trabalhará a favor do diálogo para buscar a aproximação de posições.

Uribe participou rapidamente da entrevista coletiva junto com Fernández de la Vega, mas a abandonou antes das perguntas e foi o vice-presidente colombiano, Fernando Santos, que falou com os jornalistas.

No entanto, Santos se limitou a falar que considerava conveniente manter um "prudente silêncio" para evitar mais confrontos verbais com a Venezuela em relação às negociações com os EUA. EFE bb/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG