Escândalo de gastos de políticos atinge Gordon Brown

O primeiro-ministro britânico Gordon Brown, cuja popularidade está no chão, foi atingido depois que o jornal Daily Telegraph publicou na edição desta sexta-feira detalhes sobre como ele e membros de seu gabinete utilizam dinheiro público para manter um certo estilo de vida.

AFP |

Com a reportagem "A verdade sobre os gastos do gabinete", o jornal aumenta a polêmica a respeito dos pagamentos aos parlamentares e revela, por exemplo, que Brown pagou 6.577 libras ao irmão Andrew pelos serviços de limpeza de uma casa qus possui em Londres.

Após a revelação, Downing Street informou em um comunicado que Gordon Brown compartilhava com o irmão uma empregava que limpava as residências de ambos em Londres.

Os pagamentos eram feitos por Andrew e o premier repassava ao irmão a parte que correspondia à limpeza de seu apartamento, segundo o comunicado.

A nota oficial afirma que Andrew Brown não recebeu nenhum benefício financeiro e acrescenta que o premier acatou as regulamentações sobre as compensações dos parlamentares.

Apesar de não ser considerado ilegal, os gastos de Brown e seus principais ministros ao custo dos contribuintes britânicos não ajudarão o governo trabalhista a recuperar popularidade ou credibilidade.

ame/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG